Eu participo: desafio literário

Eu nem imaginava que existiam tantos blogs voltados para o mundo dos livros. Tem blog pra tipos expecíficos de literatura, tem blog pra falar de capas de livro, cada editora tem um blog, tem blog de resenhas em geral… enfim! Uma infinidade de gente postando diariamente sobre os livros que leu (ou viu, ou não leu, ou qualquer coisa!).

E, também, tem blog que propõe desafios e organiza leituras de quem quiser participar. Penso que essa é uma forma bacana de incentivar a leitura, de ajudar a formar um hábito.

NO ENTANTO, eu mesma nunca havia participado de nenhum desafio online. E, já que fim de ano é época boa pra novas resoluções, em 2012 participarei do Desafio Literário. Quem se anima?

O desafio funciona assim: cada mês do ano tem um tema e cabe ao desafiante escolher um livro que se encaixa no que foi proposto. Então, é preciso entrar no site, cadastrar-se (os cadastros serão reabertos em JANEIRO) e começar. A leitura mínima é de 12 livros (um por mês, claro!). Eu fiz uma listinha, NADA definitiva, do que pretendo ler NO PRIMEIRO SEMESTRE de 2012 pro Desafio. Quem sabe, assim não animo mais gente a participar, né? =)

EIS:

1) JANEIRO – Literatura culinária (algum romance/contos com um pé na cozinha).

Confesso que foi um dos temas que menos me interessou e um dos quais não tenho a menor familiariedade. Mas como o ideal é se aventurar pelo desconhecido, vamos lá.

Primeira opção: Afrodite – contos, receitas e outros afrodisíacos, Isabel Allende.

Segunda opção: Julie e Julia, Julie Powel.

2) FEVEREIRO – Nome próprio

Nossa, aqui me sobram opções. O nome da personagem deve ser o título, mesmo que acompanhado de um pronome de tratamento ou algo que o valha. Tenho mil ideias.

Primeira opção: Madame Bovary, Flaubert

Segunda opção: Anna Karênina, Tolstói

Terceira opção: Padre Sérgio, Tolstói

(Aqui, preferi algo mais canônico, que é o que mais tenho curtido ler. Mas vale algo mais moderno, claro!)

3) MARÇO – Serial Killer

Outro gênero que conheço pouco. Li esse ano um que amei, chama Criança 44, do Tom Rob Smith. AMEI. Mas, como não pode repetir livro, tô só com uma opção em março, por enquanto.

Primeira (e única, até agora) opção: Silêncio dos inocentes, Thomas Harris.

Alguém indica mais algum?!

4) ABRIL – Escritor oriental

Nunca li nada do oriente (bem, não tô contando como “oriental” a literatura russa). E não tenho muito ideia do que ler aqui. Vou ter que pesquisar…

Tô, agora, sem opções.

5) MAIO – Fatos históriocs

É aquele tipo de enredo que tem como pano de fundo algum momento significativo da história (e para o enredo!). Eu curti bastante esse tema, mas ainda não tenho certeza de que livro vou ler.

Primeira opção: Exército de cavalaria, Isaac Bábel (tem como pano de fundo a guerra civil e a revolução russa). AMO RUSSOS!

Segunda opção: Por que os sinos dobram, Ernest Hemingway (período histórico: guerra civil espanhola).

6) JUNHO – Viagem no tempo

De longe, o tema mais distante de tudo que já li! Nunca li ficção científica, conheço pouquíssimo e nunca foi lá meu forte… MAS, vou encarar! E VOU COM CLASSE, SEM TITUBEAR (gostaram dessa, hein? Titubear, hshshs), DECIDIDA.

Opção ÚNICA: O fim da eternidade, de Isaac Asimov.

Dizem (quer dizer, vejo sempre a Luara dizer) que o Assimov é animal, que é um mestre contemporâneo da ficção científica e tal. Vou nele!

7) JULHO – Prêmio Jabuti

Julho, mês de  FLIP (da qual falei mais logo, logo), é mês de leitura nacional. Tem que ser uma obra já indicada (tendo vencido, ou não) às categorias ROMANCE ou LIVRO DO ANO. A melhor fonte para essa informação está aqui, no site da CBL. A quantidade de títulos é GIGA. Pensei, A PRINCÍPIO, nos seguintes:

Primeira opção: O Filho Eterno, Cristovão Tezza

Segunda opção: Cordilheira, Daniel Galera

Terceira opção: Nove Noites, Bernardo Carvalho

…e outras podem surgir!

Essa é a lista que quero seguir no primeiro semestre de 2012. Vou postando aqui mais sobre os livros e as resenhas!

E aí, alguém se animou? Comente sua lista!

É pra aproveitar as promessas (quase sempre furadas) de fim de ano e anotar no caderninho: em 2012, vou ler MAIS. E não furar!

AH! Tem mais listas para inspiração no Isaac Sabe e no Quinas e Cantos, além do próprio blog do Desafio que já deixei linkado no início do post!

Anúncios